• Go to:

O que é uma prótese peniana?

Uma prótese peniana, também chamada implante peniano, é um dispositivo médico que é implantado cirurgicamente nos corpos cavernosos do pénis nos casos de DE grave.

Quando devo considerar a colocação de uma prótese peniana?

As próteses penianas constituem uma solução para os casos em que tentou os PDE5I e as injeções intracavernosas e estes não tiveram sucesso no tratamento da DE. Também podem estar recomendadas se não puder usar os PDE5I ou os medicamentos das injeções intracavernosas. Caso tenha experimentado os PDE5I e injeções intracavernosas mas não esteja satisfeito com os resultados e queira uma solução permanente, a prótese peniana poderá ser uma solução para si.

Como funciona uma prótese peniana?

Existem dois tipos de próteses penianas: próteses semirrígidas, não insufláveis, e próteses insufláveis.
As próteses semirrígidas consistem em dois cilindros sólidos de consistência maleável que são implantados nos corpos cavernosos do pénis e que podem ser dobrados durante a atividade sexual. Com este tipo de implante o pénis está sempre semirrígido, o que pode ser difícil de disfarçar.

As próteses penianas insufláveis são dispositivos cheios com fluido que consistem em dois cilindros que se implantam nos corpos cavernosos do pénis, uma bomba manual colocada no escroto e um reservatório que armazena o fluido quando o pénis não está ereto. A prótese é ativada ao apertar várias vezes uma bomba para injetar o fluido do reservatório nos cilindros. A bomba também é usada depois para fazer voltar o fluido para o reservatório (Fig. 1).

É necessária cirurgia para ambos os tipos de próteses que são colocadas completamente dentro do corpo. As próteses insufláveis são mais utilizadas porque se obtém um efeito mais natural. As próteses maleáveis/semirrígidas podem ser mais indicadas em casos complicados. A escolha entre as duas próteses deve ser discutida com o seu urologista.

Fig. 1: Tipo comum de uma prótese peniana insuflável.
Fig. 1: Tipo comum de uma prótese peniana insuflável.

Como me preparo para a cirurgia?

O seu médico irá aconselhá-lo detalhadamente sobre a preparação para a cirurgia. Não deve comer, beber ou fumar nas 6 horas anteriores à cirurgia para se preparar para a anestesia. Se está a tomar alguma medicação deve conversar com o seu médico, pode precisar de parar de a tomar alguns dias antes da cirurgia.

Como se faz a cirurgia da prótese peniana?

Para a colocação de uma prótese peniana, irá ser submetido a uma anestesia geral ou raquianestesia. Também lhe será colocado um cateter urinário que será retirado, no dia após a cirurgia. Depois de estar anestesiado o cirurgião faz uma pequena incisão mesmo acima do pénis, ou entre o pénis e o escroto, que expõe os corpos cavernosos e o cirurgião mede-os para colocar uma prótese com o comprimento adequado ao pénis.

Após a colocação dos cilindros, o reservatório é colocado atrás da parede abdominal e a bomba é colocada no escroto, entre os testículos, para a esconder. De modo geral é colocado um dreno que é retirado no dia após a cirurgia.

Para terminar, todos os componentes da prótese peniana são ligados e a incisão da pele é suturada. As feridas são limpas e é colocada uma ligadura compressiva. A maioria dos cirurgiões optam por deixar a prótese insuflada durante as primeiras 24 horas. Alguns cirurgiões preferem deixar um dreno que é normalmente retirado um dia depois da cirurgia.

Quando tempo demora até poder voltar às minhas atividades diárias?

Geralmente pode ter alta do hospital no dia seguinte à cirurgia, quando ter sido retirada a ligadura de compressão e a prótese tiver sido esvaziada pelo seu médico. Nos primeiros dias após a cirurgia, e durante algumas semanas, pode sentir dor ou desconforto e edema do pénis: Isto é normal e pode ser tratado com gelo e analgésicos. Nos primeiros 2-3 dias depois da cirurgia pode haver uma pequena quantidade de corrimento da incisão. Não é necessário tratamento, normalmente para por si só.

Nas primeiras 4 a 6 semanas após a cirurgia:

  • Não levante pesos superiores a 5Kg.
  • Não pratique exercício físico pesado e evite andar de bicicleta ou mota.
  • Não faça banhos termais nem sauna
  • Fale com o seu médico sobre qualquer medicação prescrita

O seu médico irá agendar uma consulta para insuflar a prótese pela primeira vez. Isto é feito após o edema e a dor terem desaparecido, geralmente ao fim de 4 a 6 semanas. Após essa consulta poderá retomar a sua actividade sexual.

Informe o seu urologista se:

  • O edema for grave ou não melhorar
  • Tiver todos os dias uma grande quantidade de corrimento
  • A dor piorar ou não melhorar
  • Se notar aumento da vermelhidão ou sensibilidade à volta do local da incisão
  • Tiver febre

Vantagens da cirurgia de prótese peniana

  • Baixa taxa de falha mecânica
  • É possível insuflar o dispositivo de forma discreta
  • Os implantes insufláveis são facilmente disfarçáveis
  • Não existe risco de priapismo
  • O nível mais elevado de resultados satisfatórios entre todos os tratamentos possíveis
  • O nível de satisfação do doente mais elevado de todas as terapêuticas para a DE, se os doentes e os respetivos parceiros forem corretamente informados sobre o que podem esperar do implante

Desvantagens da cirurgia de prótese peniana

  • A cirurgia é definitiva
  • No caso de o dispositivo ser retirado não há retorno à função erétil
  • Risco baixo de infeção
  • Risco baixo de falha do dispositivo. Em geral os implantes insufláveis duram de 10 a 15 anos. Podem ser substituídos no caso de falha.
  • Risco muito baixo de hemorragia descontrolada após a cirurgia e de necessidade de voltar a operar
  • Risco muito baixo de formação de cicatriz
  • Risco muito baixo de erosão que exige remoção
  • A glande não aumenta de tamanho durante a ereção
  • As próteses penianas não aumentam o tamanho do pénis nem corrigem uma perda de comprimento anterior devida a uma prostatectomia radical, radiação, envelhecimento, aumento de peso ou DE prolongada