• Go to:

Os stents prostáticos são usados para manter a uretra aberta, melhorando o fluxo urinário. Os stents são principalmente recomendados para homens que não são candidatos à cirurgia mas que ainda são capazes de esvaziar a bexiga por si só. São usados em vez de um cateter permanente.

Como se insere o stent?

O stent pode ser colocado no gabinete da consulta ou em ambulatório, sob anestesia local. É colocado na uretra até a extremidade atingir a bexiga (Fig. 1). A posição correcta é verificada com uma ecografia ou com o cistoscópio.

Fig. 1: Um stent prostático melhora o fluxo urinário.
Fig. 1: Um stent prostático melhora o fluxo urinário.

Quando é que devo considerar colocar um stent?

Actualmente, os stents não são recomendados como opção de tratamento permanente. Apenas deve considerar os stents se não tiver condições para tolerar a anestesia necessária para a cirurgia.

Como me preparo para o procedimento?

O seu médico irá aconselhá-lo detalhadamente sobre a preparação para o procedimento. Se toma medicação prescrita, fale com o seu médico. Pode necessitar de interrompê-la antes do procedimento.

Quanto tempo demorarei até poder retomar as minhas atividades diárias?

Normalmente pode retomar as suas actividades no dia do procedimento. Poderá haver alguma perda de sangue na urina e poderá sentir dores ao urinar. Estes sintomas podem durar algumas semanas.

Deve recorrer ao seu médico ou regressar ao hospital imediatamente se:

  • Tiver febre
  • Se for incapaz de urinar por si só
  • Se tiver perda de sangue abundante ou dor intensa

Vantagens dos stents

  • Podem ser usados em vez de um cateter permanente
  • Sem necessidade de internamento
  • Anestesia local

Desvantagens dos stents

  • O stent pode sair de posição
  • Dor ao urinar durante algum tempo após o procedimento
  • Pode falhar na melhoria do fluxo urinário
  • Risco baixo de incontinência urinária
  • Risco de formação de cálculos no stent